quinta-feira, 2 de agosto de 2012

No mundo tereis aflições


VENCENDO AS AFLIÇÕES
João 16:33: No mundo tereis aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.


Uma vida livre de aflições tem pouco ou nenhum significado. As aflições têm variadas e múltiplas facetas; uma delas é quando fica estabelecida a diferença que existe entre aquilo que você é e aquilo que você pode ser. Sem aflições as possibilidades deixam de existir. Sem aflições deixam de existir um alvo maior a ser alcançado.
Na realidade não é muito difícil aliviar algumas aflições. Basta apenas optar pelo caminho mais fácil, ao abandonar os seus sonhos, ao entregar-se ao desespero circunstancial e ao fugir das suas responsabilidades. Apesar desse tipo de comportamento lhe causar um alívio temporário, a aflição fatalmente irá retornar lhe trazendo dores excruciantes.
Uma vez que aceitamos que aflições são parte inerente desta vida, a sua ação perde o seu poder dominador. Nós fazemos das aflições algo ainda mais difícil quando permitimos que ela nos abata e nos manipule.
Para viver a vida com um propósito, para se dirigir em busca de um alvo, pode estar certo de contar com a presença de não poucas aflições. Portanto, aprecie, aceite e viva com um forte senso de que aflições são apenas preciosas oportunidades nos dada pelo próprio Deus a fim de nos tornarmos mais semelhantes a Ele.
A sua mente pode focalizar no medo, na preocupação, nos problemas, no negativismo ou no desespero. Ou pode focalizar na confiança, nas soluções, no otimismo e no sucesso. Você decide.
João 16:33: No mundo tereis aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.
Se não existisse a dor, nós não poderíamos reconhecer o prazer e muito menos desfrutá-lo. Os tempos difíceis trazem à vida tanto significado quanto os tempos de refrigério. Cada obstáculo que você transpõe, faz de você uma pessoa ainda mais forte. Cada desafio que você suporta, faz com que os tempos de bonança sejam ainda mais significativamente desfrutados e valorizados.
Desafios nos tiram da mesmice, nos convidam à ação, nos mostram um caminho de crescimento. Imagine quão opaca e sem sentido seria a vida se as coisas caminhassem exatamente da maneira como você planejou. Demonstre uma nova apreciação pelos tempos de dificuldades porque eles trazem consigo grandes oportunidades. As adversidades com Deus tornam-se grandes oportunidades.
Salmo 119:71: Foi-me bom ter eu passado pela aflição, para que aprendesse os teus decretos.
As aflições não podem nos fazer desistir. Não desista antes da linha de chegada.
Thomas Edison disse: "Muitos dos fracassos desta vida estão concentrados nas pessoas que desistiram por não saberem que estavam muito perto da linha de chegada".
Talvez sua aflição seja uma porta que se fechou diante de você. Mas quando uma porta se fecha para você, isso quer dizer que em algum lugar existe uma outra porta que está escancaradamente aberta à sua espera. Se um obstáculo se transpõe em seu caminho, existe uma nova trilha ao redor pela qual você poderá passar. Quando o plano A fracassou e também o plano B, sempre existe o plano C que poderá levá-lo aonde você deseja chegar.
Quando um alvo parece impossível, sempre existe alguma coisa que você poderá fazer para que ele se torne possível. Sempre existe uma nova porta aberta. É sempre necessário lembrar que Deus não nos deixou neste mundo à nossa própria sorte e aos nossos próprios cuidados. O Senhor nos convida a fazer da oração o primeiro recurso e não a ultima opção. Ele nos chama a persistência e a disciplina para um genuíno crescimento. Não desista, pois Deus tem uma porta aberta para você. Lembre-se que quando uma abordagem fracassa, essa experiência se transforma numa excelente oportunidade de experimentar uma outra nova abordagem. Existe uma nova porta aberta a você. Não desista porque a sua fé em Deus, sua persistência e sua ação estão lhe trazendo mais perto desta porta. Apesar de o caminho parecer tortuoso, é esse mesmo caminho que poderá levá-lo a uma vida bem sucedida quando você nele persiste, sem desistir.
  João 16:33: No mundo tereis aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário